Cerimônia de premiação da 9ª Obsma na Fiocruz anuncia Destaques Nacionais e marca encerramento da edição

Por Comunicação Obsma

Evento lotou auditório do Museu da Vida com professores, estudantes e comunidade Fiocruz de diversas partes do Brasil

'Oswaldinho', mascote da 9ª Obsma, encerra evento de premiação. Da esquerda para a direita, a vice-presidente de Educação, Informação e Comunicação da Fiocruz Cristiani Machado, a coordenadora nacional da Olimpíada Cristina Araripe e a presidente da Fiocruz Nísia Trindade Lima. Foto: Peter Ilicciev/CCS

No último dia 28 de novembro, o auditório do Museu da Vida foi tomado por emoções durante a cerimônia de premiação da 9ª Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente da Fiocruz (Obsma). Mais de 70 estudantes e professores representantes dos trabalhos selecionados na etapa regional e para o prêmio especial Ano Oswaldo Cruz participaram da grande celebração na sede da instituição, no Rio de Janeiro. O momento mais festejado do evento foi o anúncio dos trabalhos selecionados na etapa nacional da edição, realizada dias antes da cerimônia.

Dando boas-vindas aos presentes, a coordenadora nacional da Obsma e pesquisadora da Fiocruz Cristina Araripe parabenizou o trabalho da equipe olímpica nos últimos dois anos e falou sobre a expectativa da próxima edição, comemorativa dos 20 anos da iniciativa. “Estamos muito felizes em encerrar o trabalho iniciado em 2016 diante de uma plateia tão especial. São mais de 100 pessoas envolvidas no projeto, às quais agradeço imensamente a dedicação. Também gostaria de fazer um agradecimento especial à presidente da Fiocruz, Nísia Trindade Lima, que faz parte desta história, já que coordenou as duas primeiras edições da Olimpíada. O agradecimento se estende aos professores que estão aqui e que, sabemos, acreditaram na Fiocruz, uma instituição pública de saúde que crê na educação”, disse a coordenadora durante a abertura do evento.

Destacando as atividades promovidas nas Oficinas Pedagógicas da Obsma ao longo de 2017 e 2018, sobretudo em cidades do interior do país, Cristina Araripe chamou atenção para a importância dos temas presentes na Agenda 2030 e nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas para o trabalho pedagógico da Olimpíada. Em nome de toda a equipe, ressaltou também a satisfação trazida com o recorde de inscrições recebidas pela 9ª Obsma, além do grande volume de alunos envolvidos nos trabalhos, que chegaram de todos os estados brasileiros pela primeira vez. Confira os números da 9ª Obsma.

Diretores, pesquisadores e colaboradores de várias unidades da Fiocruz acompanharam a cerimônia e se emocionaram durante o evento. Entre eles, estiveram o diretor do Instituto Oswaldo Cruz (IOC), José Paulo Gagliardi Leite; também do IOC, o pesquisador emérito José Rodrigues Coura e o diretor da Casa de Oswaldo Cruz, Paulo Elian. Também esteve presente o representante da Asfoc – Sindicato Nacional, Alcimar Pereira Batista.

Jurado da etapa nacional da Obsma, o professor da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul Ivo Leite saudou os premiados. “Integro o Movimento Nacional de Feiras de Ciências e posso dizer que não importa o caminho que estamos seguindo, nós não podemos deixar que nenhum desses jovens deixe de acreditar neste país, por isso é preciso ressaltar a importância de todos vocês que participaram. Vocês já são vencedores”, declarou.

A vice-presidente de Educação, Informação e Comunicação da Fiocruz, Cristiani Machado, ressaltou a importância da iniciativa: “Esta Olimpíada é um dos orgulhos da Fiocruz por incentivar o interesse, a reflexão crítica e o levantamento de questões sobre saúde e meio ambiente que geraram trabalhos criativos em diferentes linguagens. A iniciativa é muito importante para nós, pois representa uma das estratégias de atuação da Fiocruz junto à Educação Básica, principalmente pela característica especial de grande mobilização nacional”, enfatizou Cristiani.

A entrega das placas, medalhas, troféus e certificados foi marcada por muitos aplausos de toda a plateia. Cada professor acompanhado de um aluno representavam suas escolas para receber no palco da cerimônia as condecorações como Destaques Regionais. Houve ainda a entrega de um certificado a representantes de um trabalho audiovisual sobre história da ciência desenvolvido em Campo Grande-MS. Os vencedores do Prêmio Ano Oswaldo Cruz receberam das mãos do doutor José Rodrigues Coura e da vice-presidente Cristiani Machado a homenagem por seus trabalhos que utilizaram recursos educacionais produzidos pela instituição. Ansiosamente aguardado, o anúncio dos seis Destaques Nacionais (conheça os selecionados ao final do texto) foi muito festejado pelos ganhadores, que vieram de Bahia, Ceará, Paraná, Rio de Janeiro e São Paulo. A entrega do grande prêmio foi realizada por colaboradores da Obsma e também pela presidente da Fiocruz Nísia Trindade Lima.

Após o momento da celebração dos premiados, a presidente saudou a todos. “Este é um projeto que coloca algo central na Fiocruz, que é a de sermos uma instituição educadora. Somos uma instituição em que saúde, educação e ciência caminham juntas com uma visão de cidadania, e é isso que acho que esta olimpíada traz”, felicitou Nísia, que continuou: “Sobretudo, quero falar do simbolismo deste evento de hoje mostrando este papel das escolas congregadas neste projeto, dos professores, dos estudantes. Nós vamos seguir nesse caminho. É uma olimpíada de superação de obstáculos, de afirmação de uma proposta educacional, algo central para a saúde, para a cidadania em nosso país”.

Mascote da 9ª Olimpíada, nosso querido 'Oswaldinho' marcou presença no encerramento da cerimônia para finalizar as atividades da edição com muito humor, renovando todos os ânimos para a jornada rumo à 10ª Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente!

 

Conheça os trabalhos Destaques Nacionais

 

Modalidade Produção de Texto

 

Ensino Fundamental

UM OLHAR CIENTÍFICO NA LITERATURA - Escola Municipal de Tempo Integral Professor Alexandre Rodrigues de Albuquerque - Fortaleza-CE

 

Ensino Médio

OS MENSAGEIROS DE GAIA - Colégio Técnico da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro - Seropédica-RJ

 

 

Modalidade Projeto de Ciências

 

Ensino Fundamental

HOMEM X ÁGUA... ATITUDES NEGATIVAS E CORRETIVAS - Centro Integrado Oscar Marinho Falcão – Itabuna-BA

 

Ensino Médio

CARNE NUTRITIVA E SUSTENTÁVEL A PARTIR DO CORAÇÃO (FLOR) DA BANANEIRA - Colégio Estadual Luís Cabral – Canudos-BA

 

 

Modalidade Produção Audiovisual

 

Ensino Fundamental

(H)A VIDA POR TRÁS DO LIXO - Colégio Oficina do Estudante – Campinas-SP

 

Ensino Médio

CULTIVANDO SAÚDE - Colégio Casucha - Santo Antônio da Platina-PR

 

Clique aqui para acessar a listagem dos Destaques Regionais e ganhadores do Prêmio Ano Oswaldo Cruz

 

  • dez 1 2018